Uma jornalista e um designer viajam de mochila por quinze países buscando contar a história de uma África ainda pouco conhecida do lado de fora de suas fronteiras. Tendências, música, arte, arquitetura, pessoas, projetos sociais, moda, cultura jovem, tradições, diversidade e tudo o que se encaixa na zona de intersecção desses tópicos: o projeto pretende desvendar dentro de cada post o lado cool e descolado do continente que não costuma ser contado nos relatos que nos ensinam o que é África.

Por meio da harmonia de textos, ilustrações gráficas e fotos, o desafio é trazer para mais perto os conceitos que permeiam as comunidades tradicionais, os diferentes valores e percepções de espaço, tempo, homem e natureza, o legado deixado pelos gigantescos impérios africanos, os segredos que estão por trás das 2000 mil línguas ali faladas e muitos outros elementos de um continente em movimento que transborda história e cultura. A África é tudo isso e mais um pouco. E nós também somos ela. O nosso Brasil é recheado de tempero africano. Batuque,
cachimbo, moleque, marimbondo, maconha, quitute, pipoca, caçula, cafuné, bagunça, bunda, fubá, xingar, rapadura e por aí vai. Ela está em nós muito mais do que podemos imaginar. E por que não nós estarmos nela?

Faça download gratuito da coleção "Afreaka: África sem estereótipos".
ATENÇÃO: para abrir o documento é necessário utilizar a senha afreaka2015